UERJ UERJ Mapa do Portal Contatos
Menu
Home > Atualidades > Notícias
Niterói terá novo canal de informações georreferenciadas sobre a cidade

22/05/2018

O acesso a informações detalhadas sobre Niterói ficará mais fácil através do cruzamento de dados espaciais disponibilizados pelo Sistema de Geoprocessamento (SiGeo) — plataforma digital que reunirá dados da administração municipal a uma base cartográfica georreferenciada. A nova plataforma será disponibilizada ao público a partir desta terça-feira.
O SiGeo vem sendo implantado pela prefeitura há dois anos ao custo de R$ 5 milhões e promete melhorar a gestão, além de contribuir com a comunidade acadêmica e empresários no desenvolvimento de estudos sobre Niterói e de novas tecnologias.
— O objetivo é muito mais do que apenas o uso de gestores da prefeitura. É uma ferramenta que, por exemplo, possibilitará a uma startup que pretenda desenvolver um aplicativo para determinado serviço na cidade ter acesso gratuito a um banco de dados georreferenciado, caso precise deles — explica o secretário executivo, Axel Grael.
Uma das aplicações que se pretende disponibilizar ao público futuramente é o monitoramento, em tempo real, dos ônibus, via GPS. Também será possível consultar informações sobre o tipo de uso do solo (residencial, comercial ou industrial) em cada local da cidade e a quantidade de andares permitidos pela legislação para novas construções.
O sistema vai unir duas plataformas já existentes: o cadastro multifinalitário (banco de dados que une informações recolhidas por secretarias como Fazenda, Planejamento, Urbanismo, Saúde e Educação) e os mapas em 3D de alta resolução, disponíveis para consulta. Na Educação, o SiGeo poderá ser utilizado para que os alunos da rede municipal consultem se têm direito ao passe livre no transporte público. Na Saúde, facilitará a consulta sobre a incidência de determinada doença numa região. Já na área de Defesa Civil, será possível cruzar dados sobre histórico de deslizamentos, enchentes e outras catástrofes naturais com informações climáticas obtidas em tempo real por pluviômetros.
Na terça-feira, durante o lançamento do portal no Teatro Popular, o prefeito Rodrigo Neves assinará um decreto que obrigará os órgãos a atualizar sistematicamente o banco de dados. Também será anunciado um cronograma de capacitação em escolas e na Plataforma Digital da Engenhoca para instruir a população sobre o uso do sistema.

Fonte: O Globo

Novidades

Ondas fortes arrastam contenção feita pela Prefeitura e criam buracos na Praia da Macumba

19/06/2018

Para os moradores do entorno da Praia da Macumba, no Recreio, Zona Oeste do Rio, a história se repet...

Vacinação contra a gripe é prorrogada até sexta em Niterói

19/06/2018

A Campanha de Vacinação Contra a Gripe de 2018 foi prorrogada pela prefeitura de Niterói até sexta-f...

Canudinho: conheça as alternativas ao tubinho de plástico condenado por poluir o meio ambiente

19/06/2018

Todos os dias, só nos Estados Unidos, 500 milhões de canudos plásticos são usados. O material acaba ...

Polícia Ambiental solta 11 maritacas após tratamento no zoo de Catanduva

19/06/2018

A Polícia Ambiental soltou no dia 13, 11 maritacas que estavam recebendo tratamento no zoológico de ...

Onça parda sobe em árvore de sítio e assusta moradores de distrito em Jaú

19/06/2018

Uma onça parda assustou os moradores de um sítio no distrito de Potunduva, em Jaú (SP), na última qu...

Brasil vai testar novo exame para reforçar luta global contra malária

19/06/2018

O Instituto Nacional de Ciência da Eliminação da Malária (Instituto Elimina), um consórcio de cerca ...