UERJ UERJ Mapa do Portal Contatos
Menu
Home > Atualidade > Editais

Editais

Chamada CNPq/MCTIC nº 17/2019

Está aberta a primeira chamada para projetos do Centro de Síntese em Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos - SinBiose, um novo programa de pesquisa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Lançado em 2018, a missão do SinBiose é produzir sínteses de dados e conceitos de elevado padrão internacional, com ênfase em projetos relacionados com problemas atuais em biodiversidade e serviços ecossistêmicos, levando a resultados socialmente relevantes. A proposta é que o Centro atue como intermediário entre ciência e política, auxiliando no desenvolvimento de cenários, estratégias e soluções para a área, e na identificação de lacunas de conhecimento e problemas ambientais emergentes.

O objetivo da Chamada CNPq/MCTIC nº 17/2019 é selecionar projetos interdisciplinares e inovadores, que demonstrem aderência ao conceito de Síntese Científica e contribuam para a missão do SinBiose. O prazo de submissão de propostas é até 27 de setembro de 2019.

Os temas de interesse do SinBiose são bastante diversos, abrangendo a área de Biodiversidade de Serviços Ecossistêmicos. Para essa chamada, foram selecionadas algumas linhas temáticas relevantes, mas outras linhas de pesquisa podem ser propostas, desde que mantido o foco na área de biodiversidade e serviços ecossistêmicos.

São exemplos de linhas de pesquisa de interesse do SinBiose:

Vetores diretos e indiretos de transformação e vulnerabilidade dos ambientes;
Bioindicadores de integridade dos ecossistemas;
Estratégias de gestão e manejo de recursos naturais e paisagens;
Serviços ecossistêmicos e suas relações com o sistema econômico e o bem-estar humano;
Identificação, avaliação e modelagem de geração, manutenção e distribuição da biodiversidade;
Prioridades e técnicas de conservação, restauração e recuperação de recursos naturais e serviços ecossistêmicos.

Sobre as propostas:
Os projetos terão o valor máximo de financiamento de R$ 500 mil para itens de custeio e bolsas de pos-doutorado. A duração dos projetos será de 24 meses, durante os quais as equipes de pesquisa devem se reunir presencialmente para desenvolver a pesquisa de forma colaborativa.

As reuniões serão realizadas, preferencialmente, em Brasília e devem ser organizadas em conjunto com a Gerência de Projetos do SinBiose no CNPq. A estimativa é três reuniões presenciais, com duração aproximada de uma semana cada. O orçamento do projeto deverá ser elaborado de forma a cobrir as despesas das reuniões.

As propostas não devem prever atividades de coleta de dados, as análises devem ser desenvolvidas em cima de dados já disponíveis.

Informações detalhadas sobre os projetos estão em http://cnpq.br/web/guest/noticiasviews/-/journal_content/56_INSTANCE_a6MO/10157/7335144

Chamada CNPq/MCTIC Nº 17/2019 - Síntese em Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos - SinBiose

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq e o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – MCTIC tornam pública a presente Chamada e convidam os interessados a apresentarem propostas nos termos aqui estabelecidos.

Objetivo: Apoiar projetos de pesquisa voltados a estudar relações entre Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos, podendo incluir a dimensão do bem-estar humano, e que visem contribuir significativamente com a missão do Centro de Síntese em Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos – SinBiose, regulamentado pela Resolução Normativa CNPq nº 007/2019. Mais
informações sobre o SinBiose podem ser obtidas na página do Programa na Internet, em http://www.sinbiose.cnpq.br

Para saber mais, acesse: http://efomento.cnpq.br/efomento/documentoPublico.do?metodo=visualizar&protocolo=2471989781963873


uerj_chamada sinbiose 17 2019_494.pdf

Processo Seletivo 2020 – Mestrado e Doutorado em Geografia – PPGEO/UERJ

Processo Seletivo de Mestrado e Doutorado 2020 do PPGEO-UERJ.
As inscrições serão realizadas no período de 02 a 30 de setembro de 2019.

Acesse os Editais em nosso site: http://www.ppgeo-igeog.uerj.br/?page_id=433

Mestrado >> http://www.ppgeo-igeog.uerj.br/wp-content/uploads/2019/08/Edital-Mestrado-2020.pdf

Doutorado >> http://www.ppgeo-igeog.uerj.br/wp-content/uploads/2019/08/Edital-Doutorado-2020.pdf

Seleção 2020 para o Doutorado em Meio Ambiente Uerj

Já está disponível o edital para a Seleção 2020 para o Doutorado em Meio Ambiente Uerj.

Acesse: https://ppgmeioambiente.uerj.br/processos-seletivos/selecao-2020/


uerj_doutorado meio ambiente v3_492.pdf

Concurso para docente - Curso de Ciências Ambientais da UFF

A seguir o edital do concurso para a vaga de docente do Curso de Ciências Ambientais da UFF/Niterói.

Classe A: Adjunto A - 40h DE

Provas escrita e didática no período de 07/10/2019 a 11/10/2019. Formação dos candidatos:

Graduação em bacharel em Ciências Sociais ou Antropologia ou Serviço Social ou História ou Ciência Política ou Economia.

Mestrado em Ciências Ambientais ou Sociologia ou Antropologia ou História ou Psicologia ou Planejamento Urbano e Regional.

Doutorado em Ciências Ambientais ou Sociologia ou Antropologia ou História ou Psicologia ou Planejamento Urbano e Regional.


uerj_edital 169-2019_dou 104_p149-153_31052019_485.pdf

Processo Seletivo PPG-ANS 2019: divulgação dos editais

Estão disponíveis os editais para o Processo Seletivo PPG-ANS 2019: Mestrado Acadêmico e Doutorado Acadêmico.

Acesse os editais, anexos e referências bibliográficas na área Documentos/Editais ou copie e cole no seu navegador: http://www.portais.atrio.scire.net.br/uerj-nutricao/index.php/pt/downloads/viewcategory/3-editais

Prêmio Firjan Ambiental 2019

O Prêmio Firjan é uma iniciativa para difundir e destacar as ações bem-sucedidas em prol do desenvolvimento sustentável das empresas do estado do Rio, com foco na proteção ambiental, no equilíbrio econômico e no bem-estar social.

O Prêmio avalia as ações do setor empresarial e reconhece o aprimoramento dos processos produtivos, a implantação de projetos socioambientais e as iniciativas que vão além das obrigações legais. Nas edições anteriores, a iniciativa contou com a inscrição de 302 projetos e premiou 39 instituições, considerando a concessão de menção honrosa e a premiação propriamente dita.

As inscrições para a edição 2019 já estão abertas. Mostre o que sua empresa faz pelo meio ambiente e tenha seu trabalho reconhecido!

Os vencedores serão revelados durante a cerimônia de premiação, a ser realizada no Rio de Janeiro, na sede da Firjan.

Para saber mais acesse: https://bit.ly/2HR29M8

Chamada 387 da CAPES - Mar profundo: a emoção de quem já participou de uma Expedição IODP

A Expedição IODP 387 – Amazon Continental Margin está com prazo de submissão de propostas aberto até o dia 1º de março. A chamada é para atuar no Navio de Pesquisa JOIDES Resolution que atracará pela primeira vez no Atlântico Sul e na costa brasileira. A expedição ocorrerá entre os dias 26 de abril e 26 de junho de 2020.

Este edital busca pesquisadores em nível de doutorado, pós-doutorado ou pesquisador pleno, que tenham mais de 8 anos de título, em todas as especialidades relacionadas ao tema “mar profundo”. Durante sua permanência no navio as despesas de acomodação e alimentação serão custeadas pelo Programa. A CAPES financia a participação do Brasil no consórcio JOIDES Resolution, desde 2013.

A Expedição 387 perfurará a parte superior da bacia da Foz do Amazonas, na margem equatorial do Brasil, para recuperar uma sequência sedimentar que abrange quase todo o período cenozóico. O programa reúne parte significativa da comunidade científica atuante nas ciências do mar em águas profundas de diversos países usando avançada tecnologia em perfuração oceânica.

Gerson Fauth, que atuará como co-chief na expedição 388, em junho de 2020, convida os pesquisadores a participarem da Chamada 387: “Os brasileiros estão tendo a grande oportunidade de testar suas hipóteses através de amostras coletadas em grandes profundidades, ou seja, é uma enorme oportunidade para o mundo científico”.

Simone Mantovanelli é paleomagnetista e participou, em 2016, da expedição 366, em uma jornada que coletou materiais para investigação dos processos físicos, químicos e biológicos em uma região de vulcões de lama. Para a pesquisadora, a expedição foi a chance de convívio com cientistas renomados. Uma “experiência maravilhosa”, em suas palavras. “A oportunidade de ir para esses lugares coletar material é única”, comentou.

Já Bruna Dias, micropaleontóloga, seguirá na expedição 378 em janeiro de 2020, mas já exalta a parceria entre a CAPES e o programa IODP: “A ação permite a ampliação da rede de colaboração internacional com outros cientistas”.

O International Ocean Discovery Program (IODP) busca investigar e monitorar a história e a estrutura da Terra, a partir do registro em sedimentos e rochas do fundo do mar.

Fonte e mais informações: CAPES

Boas notícias para Uerj

O professor Egberto Gaspar de Moura, sub-reitor de Pós-Graduação e Pesquisa da UERJ, apresenta um conjunto de boas notícias sobre a Universidade que chegaram nos últimos dias.

No caso específico do edital Faperj Nº 12/2018, a Fundação já divulgou a listagem atualizada com os novos contemplados. O documento está disponível para consulta em bit.ly/2TlSi3h.

Confira isso e muito mais no vídeo: https://www.facebook.com/UERJoficial/videos/2746362248923248/