UERJ UERJ Mapa do Portal Contatos
Menu
Home > Atualidades > Notícias
CPI de Brumadinho na Câmara aprova relatório final por unanimidade

07/11/2019

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara dos Deputado que investiga a tragédia em Brumadinho (MG) aprovou nesta terça-feira (5) o relatório final elaborado pelo deputado Rogério Correia (PT-MG). O parecer foi aprovado por unanimidade.
O relator propôs no parecer o indiciamento das empresas Vale, TÜV SÜD e de mais 22 pessoas. O relatório tem mais 600 páginas e foi entregue à CPI no último dia 25 de outubro, dia em que a tragédia completou nove meses.
A reunião do colegiado foi acompanhada por parentes de vítimas da tragédia de Brumadinho. Eles trouxeram cartazes e colocaram, nas mesas dos parlamentares, fotos das vítimas do rompimento da barragem.
Em nota, a Vale afirma que "respeitosamente discorda da sugestão de indiciamento de funcionários e executivos da companhia" e que continuará a colaborar com as autoridades e órgãos que apuram o rompimento da barragem.
"O relatório recomenda os indiciamentos de forma verticalizada, com base em cargos ocupados em todos os níveis da empresa. A Vale considera fundamental que haja uma conclusão pericial, técnica e científica sobre as causas do rompimento da barragem B1 antes que sejam apontadas responsabilidades", afirmou a mineradora.
Procurada, a TÜV SÜD informou que não vai comentar o relatório da CPI. Porém, reiterou que "continua oferecendo sua total cooperação às autoridades e instituições envolvidas na apuração dos fatos".
"O que a gente espera é que, daqui pra frente, a Justiça faça a parte dela, porque no caso de Mariana até hoje ninguém foi punido. E nós esperamos que em Brumadinho não se repita isso. Nós colocamos provas concretas, que demonstram cabalmente que pessoas, além das empresas, sabiam que isto iria acontecer", declarou o relator após a provação do parecer.
O presidente da comissão, Julio Delgado (PSB-MG), disse que a CPI reuniu provas concretas de que as empresas assumiram o risco de a barragem se romper a qualquer momento.

Leia mais no G1

Novidades

Fechados na quarentena, museus oferecem doses de arte ao público pelas redes sociais

28/05/2020

Arte é resistência. Para continuar oferecendo programação cultural ao público durante a quarentena, ...

Campos, RJ, registra quase 600 casos de chikungunya no primeiro trimestre deste ano

28/05/2020

O mundo todo está lidando com as consequências do novo coronavírus. Em Campos dos Goytacazes, no Nor...

Madeireiras são alvo de ação contra extração ilegal de madeira de reserva indígena de RO

28/05/2020

Duas madeiras do distrito de Extrema e mais três de Nova Califórnia foram alvos de uma ação conjunta...

Bioma mais ameaçado do Brasil, Mata Atlântica vive alta do desmatamento

28/05/2020

O ritmo de destruição da Mata Atlântica voltou a subir após ter sido registrada a menor taxa de desm...

Desmatamento na mata atlântica cresce 27% entre 2018 e o primeiro ano do governo Bolsonaro

28/05/2020

O desmatamento na mata atlântica entre 2018 e 2019 cresceu cerca de 27% em comparação com o período ...

Amazônia perdeu em média 2,1 mil hectares de floresta por dia em 2019, aponta levantamento

28/05/2020

A Amazônia perdeu em média 2.110 hectares de floresta por dia em 2019, área equivalente 1,9 mil camp...