UERJ UERJ Mapa do Portal Contatos
Menu
Home > Atualidades > Notícias
Expedição marítima encontra indícios de mudanças climáticas ancestrais

14/11/2017

No tempo dos dinossauros, o mar não estava para peixe. Uma amostra de solo submarino de 94 milhões de anos, encontrada na costa sudoeste da Austrália, indica que o Oceano Índico passou por momentos de total ausência de oxigênio. Anunciada nesta semana, a descoberta foi feita pela equipe de pesquisadores da Expedição 369 do Programa Internacional de Descoberta do Oceano (IODP, em inglês).
O achado avança o conhecimento sobre as condições climáticas da Terra no período Cretáceo – aquele que foi encerrado com a extinção dos dinossauros.
A equipe internacional de cientistas envolvida na descoberta trabalha a bordo do navio de perfuração JOIDES Resolution, em uma missão de dois meses que termina no fim de novembro. Três brasileiros integram a missão, formada por profissionais de 15 países.
A ausência de oxigênio no oceano, conhecida como evento anóxico, já foi comprovada em outros locais no mundo. Estes “eventos” são inclusive a origem do petróleo, quando a matéria orgânica depositada “encontra” as condições ideais para isso. As razões dessas ocorrências nunca foram totalmente compreendidas. Apenas se sabe que ocorreram muitas vezes durante o período Cretáceo (145 a 60 milhões de anos atrás), a era dos dinossauros, quando a Terra era quente, farta de vida e fértil.
Com a falta de oxigênio no mar, a matéria celular dos seres vivos foi preservada, e se formaram camadas ricas e muito escuras no subsolo marítimo. A presença de uma camada desse tipo em altas latitudes (no período Cretáceo, o local perfurado estava em outro ponto, a 60 graus sul) pode preencher uma lacuna importante na compreensão das causas de uma enorme mudança climática nos oceanos, ocorrida há quase cem milhões de anos.
O micropaleontólogo Brian Huber, um dos líderes da equipe, está entusiasmado com o achado e afirma que o estudo detalhado deste intervalo anóxico ajudará a resolver a controvérsia de mais de 40 anos sobre a causa dos eventos anóxicos em vários lugares do mundo.

Saiba mais no site da Capes

Novidades

Engenheiro abandona carreira e abre empresa de captação de lixo eletrônico

16/11/2017

Com o avanço da tecnologia, aumenta o consumo de equipamentos eletrônicos, gerando, assim, acúmulo d...

Frans Krajcberg, artista plástico, morre aos 96 anos no Rio

16/11/2017

Morreu nesta quarta-feira (15) o artista plástico polonês Frans Krajcberg, de 96 anos, no Hospital S...

Brasil ganha reforço de R$ 420 milhões para combate ao desmatamento

16/11/2017

A redução da taxa de desmatamento da floresta amazônica, anunciada às vésperas da Conferência do Cli...

Brasil ganha ´prêmio Fóssil do Dia´ na Conferência do Clima da ONU

16/11/2017

Brasil ganhou nesta quarta-feira (15) o ´prêmio Fóssil do Dia´ na Conferência do Clima da ONU, que é...

Vamos cumprir nossas metas do clima sem comprometer desenvolvimento

16/11/2017

O atual ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, disse que o Brasil irá cumprir suas metas rela...

Donos de cães se mobilizam para que animais possam ir legalmente às praias do Rio

16/11/2017

Donos de cães que não abrem mão da companhia de seus animais de estimação iniciaram uma mobilização ...