UERJ UERJ Mapa do Portal Contatos
Menu
Home > Atualidades > Notícias
Plataforma Green Your City planta micro floresta em São Paulo

01/02/2024

As cidades precisam de áreas verdes. Árvores, solos permeáveis e biodiversidade são fundamentais para a saúde de quem vive nos centros urbanos e para que estas áreas consigam diminuir e mitigar os efeitos dos eventos climáticos, cada vez mais intensos e comuns. Uma das metas da plataforma Green Your City, iniciativa da Heineken, é justamente ressignificar espaços urbanos e construir cidades cada vez mais sustentáveis. Com esse objetivo, a segunda minifloresta urbana da plataforma foi entregue na cidade de São Paulo.
No final de 2023, no dia 8 de dezembro, um bolsão verde localizado na Marginal Tietê, no encontro do rio Tietê com o rio Tamanduateí, onde a cidade começou a 500 anos atrás, recebeu mais de 1020 mudas de árvores de 96 espécies nativas do bioma da cidade, a Mata Atlântica. O plantio foi uma parceria entre a Heineken e o botânico e paisagista Ricardo Cardim, que faz parte do projeto desde seu início. Cardim tem a patente da metodologia Floresta de Bolso, que trabalha a harmonia entre natureza e grandes cidades ao mesmo tempo em que respeita a dinâmica original das florestas.
O plantio da micro floresta paulistana foi feito por um mutirão voluntário, que contou com cerca de 60 pessoas. “Essa restauração da Mata Atlântica original da cidade de São Paulo junto a Heineken ocorre em um lugar emblemático para a metrópole de 22 milhões de habitantes, entre um dos seus maiores fluxos de veículos, no canteiro central da pista local e expressa da marginal Tietê. A nova Floresta de Bolso vai proporcionar benefícios ambientais por séculos, e é parte certamente da cidade verde que sonhamos”, afirma Ricardo.
A marca se comprometeu a plantar 19 microflorestas urbanas pelo país até 2030, criando bolsões verdes de alta densidade vegetal que prestam diversos serviços ambientais e contribuem para uma melhor qualidade de vida da população como diminuição da temperatura, poluição sonora, aumento da umidade do ar, filtragem de gases tóxicos e poluição do ar.
A primeira microfloresta foi plantada no Rio de Janeiro, em 2022, como compromisso de entrega do Rock in Rio, onde 100% da cenografia da ativação da marca no festival era composta por vegetação do bioma da Mata Atlântica. Após o festival, as plantas foram todas replantadas em uma área de 1500m².
Além das microflorestas, os compromisso de Green Your City, envolvem outros pilares de cidades mais sustentáveis, economia circular e consumo responsável. Algumas delas já foram implementadas ao longo dessa jornada, como circularidade de vidro, copos reutilizáveis em festivais e abastecimento de casas, restaurantes e ativações com energia renovável.
“Temos uma missão como marca de deixar um legado por onde passamos e trabalhamos. Com a plataforma Green Your City, mantemos o compromisso em ser uma marca sustentável ao longo dos próximos anos. É o nosso propósito construir um mundo mais verde e equilibrado. Mostrar ao mundo que podemos ter uma cabeça mais aberta para olharmos o tema sustentabilidade com leveza e entretenimento. E, com isso, fazemos esse convite para uma jornada mais verde” declara Beatrice Jordão, gerente sênior de marketing da Heineken no Brasil.

Confira as quatro grandes metas de sustentabilidade da marca até 2030 no CicloVivo

Novidades

RJ receberá mais de 230 mil doses de vacina contra a dengue nesta quinta

22/02/2024

O estado do Rio receberá, nesta quinta-feira (22), 231.928 doses da vacina contra a dengue, que serã...

Petrópolis recebe evento que sobre mudanças climáticas

22/02/2024

Um dos temas mais discutidos na atualidade, as mudanças climáticas e as suas consequências para a ga...

Búzios tem infestação de escorpião mais venenoso do Brasil; Centro, Ferradura e João Fernandes tiveram ocorrências

22/02/2024

Uma infestação do escorpião-amarelo está sendo monitorada na cidade de Armação dos Búzios, na Região...

Biólogos encontram espécie invasora em manguezais da Baixada Santista

22/02/2024

Durante uma operação de monitoramento dos manguezais no estuário Santos-Cubatão, os biólogos Geraldo...

Perda de herbívoros afeta “pragas” na Mata Atlântica

22/02/2024

Insetos e microrganismos que se alimentam de plantas, consumindo parte das folhas, modificando o tec...